Ele não queria deixar a filha na mão e mandou fazer uma fantasia de Rainha Elsa para acompanhar a filha num karaokê.

Rob Chillingworth tem aproximadamente 100 quilos, é barbudo e trabalha como tatuador, sua filha Ruby, que se vestiu de Olaf

A dupla chamou muita atenção no metrô de Londres, e logo a imagem deles ganhou as redes.

O pai contou ao jornal The Sun que ele achou que deveria acompanhar a filha e deveria estar vestido à caráter.

“As crianças tiveram que se fantasiar e eu pensei que tinha que fazer o mesmo”, disse. Ele mandou fazer o vestido sob medida para caber na roupa.

Rob ganhou na internet o título de Pai do Ano.

Um marido ciumento e muito doente suspeitou que sua esposa estivesse lhe traindo com seu tio, então o homem resolveu passar uma supercola na perseguida de sua esposa.

O homem pensava que sua esposa estava tendo um caso com seu próprio tio e num surto resolveu trancar a mulher num quarto a passar cola em sua vagina ameaçando ela com um facão.

O casal mora na Africa do Sul e ele tem 45 anos e a esposa 40 anos de idade.

“Ele já havia tentado arrancar a minha mão uma vez, então eu estava apavorada”, disse a vítima. “Ele me mandou deitar e abrir as pernas e, em seguida, pegou uma supercola e aplicou na minha vagina. Eu chorava e implorava para ele parar, mas ele não se importava. Eu não entendo o que faria um homem que ama uma mulher fazer isso com ela”, contou a esposa desesperada ao Mirror.

Um tempo depois a mulher tentou remover a cola mas não obteve sucesso, já era tarde demais.

Médicos dizem que el não poderá mais ter relações sexuais e terá suas funções comprometidas, a mulher sofre com dores  terríveis.

Após atacar a esposa o marido com síndrome de corno fugiu e não foi mais localizado.

A esposa quer que ele seja preso,mas teme pela própria vida, ela tem medo que ele volte a a mate.

“Eu queria prestar queixa, mas ele fugiu e não foi visto desde o incidente. Eu estou com medo de que ele possa voltar a qualquer momento e arrancar minha cabeça.”

Fonte: The Mirror

Três cachorros SRD da Nova Zelândia, conseguiram algo que todo adolescente sempre sonhou, conquistar a tão desejada carteira de habilitação.

Os cachorros tem quatro anos de idade e moram num abrigo para animais.

A iniciativa partiu inicialmente de uma ONG que queria mostrar que os cachorros são capazes de aprender. A ação foi feita em 2013 e chamou muito atenção de entidades e diversas pessoas sensibilizadas com a causa animal.
A ação contou também com o apoio da empresa Mini que adaptou um de seus veículos para que os cães pudessem pilotá-los numa pista fechada de treino.

A ideia deu tão certo, que após dois anos do experimento o departamento de trânsito da Nova Zelândia resolveu conceder licença para os três cachorrinhos agora habilitados ganharem a estrada.

A parceira no projeto a Mini doou três automóveis para os cachorrinhos, todos adaptados.

A carteira de motorista dos cachorros é uma licença provisória, eles não poderão pegar estrada e nem dirigir em horario de pico apenas de manhã e no final da tarde, que para eles é mais que o suficiente.

“Estamos todos muito contentes com a habilitação deles, para o pessoal do abrigo veio em boa hora, eles agora terão autonomia e não precisarão esperar alguém para ir passear com eles na hora deles fazerem suas necessidades, também será muito útil quando precisarmos fazer compras ou alguma coisa aqui perto” Declara Susan uma das tutoras do abrigo.

A explicação para Monty, Ginny e Porter  terem conseguido habilitação é fácil de entender, eles tem apenas quatro anos de idade, mas na idade de um cão eles tem 28 anos, são todos machos e se saíram muito bem nas aulas práticas.

Veja abaixo um vídeo de 2013 de quando eles participaram do experimento

Em Valparaíso no Chile uma cadela enterrou seus nove filhotes para salvá-los de um incêndio.

Tudo começou quando seus filhotes ficaram presos num incêndio florestal que atingiu a região nos últimos dias, a cadela por puro instinto de sobrevivência cavou um buraco perto de um contêiner de metal e enterrou seus nove filhotes e fugiu em seguida para salvar o próprio pelo.

Uma organização local que cuida de animais foi avisada por moradores que suspeitaram que a cadela pudesse ter tentado salvar seus filhotes.

Não se sabe por quanto tempo os filhotes ficaram enterrados.

Os Bombeiros e os voluntários foram até o local e desenterraram os nove filhotes todos com vida, a mãe deles foi resgatada logo em seguida dentro de uma casa interditada e próxima dali.

A cadela foi batizada de Negrita e a família foi toda levada para um abrigo da organização onde esperam por adoção.

Uma garota foi atropelada por um trem enquanto caminhava ouvindo a banda One Direction com seus fones de ouvido.

Jana Djuric, 15 anos era fã da banda, morava em Valjevo, Sérvia e  voltava da escola para casa com a amiga Valerija Kolar.

A amiga conta que elas resolveram pegar um atalho para voltar para casa pela linha do trem que elas pensavam que estava abandonada.

“A linha estava fechada há e nós não tínhamos ideia que estava em uso novamente. Jana estava dançando e cantando e, de repente, o trem apareceu e a atropelou. Ela não olhou para os dois lados só para uma direção”, relatou a amiga à imprensa local.

O maquinista chamou o socorro. mas nada pode ser feito Valerija e o maquinista ficaram em estado de choque e precisaram de socorro.

Os familiares e os amigos de Jana fizeram uma homenagem a ela em sua escola.

“Ela era uma linda menina que estava sempre sorrindo e amigável”, contou um porta-voz da escola.



  • Compartilhe


  • Sacizentos



  • Divulgue



  • Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!