Conselho pra você que só pensa em beleza:

Tenho um conselho valioso para dar aqui: se você acabou de conhecer uma moça, ficou com ela algumas vezes e já está começando a imaginar o dia do seu casamento e o nome dos seus filhos, pare agora e me escute! Na próxima vez que encontrá-la, tente disfarçadamente descobrir como é sua barriga. Se for sarada, torneada, estilo “tanquinho”, fuja! Comece a correr agora e só pare quando estiver a uma distância segura. É fria, vai por mim.

Mulher boa de verdade precisa, obrigatoriamente, ostentar uma barriguinha de feijoada, e de muito chocolate. Se não, não presta. Estou me referindo àquelas que, por não colocarem a beleza física acima de tudo (como fazem as malditas piriguetes), acabaram cultivando uma pancinha adorável. Essas, sim, são pra manter por perto. E eu digo por quê. Você nunca verá uma mulher barrigudinha tirando a camisa dentro de uma boate e dançando como uma idiota, em cima do balcão, ou fazento topless. Se fizer isso, é pra fazer graça pra turma e provavelmente será engraçado, mesmo.

Já as ” saradas” farão isso esperando que todos os homens do recinto caiam de amores – e eu tenho dó dos que caem. Quando sentam em um boteco, numa tarde de calor, adivinha o que as fofinhas pedem pra beber? Cerveja! Ou coca-cola normal, algumas um pastel e um caldo de cana, tudo bem também. Mas você nunca as verá pedindo suco de clorofila, ou de alguma coisa parecida. Ou, pior ainda, um copo com gelo, pra beber a mistura patética de vodka com “clight” que trouxe de casa. E você não será informado sobre quantas calorias tem no seu copo de cerveja, porque eles não sabem e nem se importam com essa informação.

E no quesito comida, as mulheres com barriguinha também não deixam a desejar. Você nunca irá ouvir um ah, amor, “Quarteirão” é gostoso, mas você podia provar uma “McSalad” com água de coco. Nunca! Essas mulheres entendem que, se elas não estão em forma perfeita o tempo todo, você também não precisa estar.
Mais uma vez, repito: não é pra chegar ao exagero total e mamar leite condensado na lata todo dia! Mas uma gordurinha aqui e ali não matará um relacionamento. Se ela souber cozinhar, então, bingo! Encontrou a sorte grande, amigo. Ela vai fazer pra você todas as delícias que sabe, e nunca torcerá o nariz quando você repetir o prato. Pelo contrário, ficará feliz.

Outra coisa fundamental: mulheres barrigudinhas são confortáveis, quentinhas! Experimente pegar a tábua de passar roupas e colocar uma bola de basquete e deitar em cima dela. Pois essa é a sensação de se deitar no peito de uma piriguete com o silicone prestes a explodir. Terrível! Gostoso mesmo é se encaixar nos braços de uma fofinha, isso que é conforto. E na hora de dormir de conchinha, então? Parece que a nossa barriga se encaixa perfeitamente na sua lombar e fica sensacional.
Mulheres com barriga não são metidas, nem prepotentes, nem donas do mundo.

Elas sabem conquistar os homens por maneiras que excedem a barreira do físico. E elas aprenderam a conversar, a ser bem humoradas, a usar o olhar e o sorriso pra conquistar. É por isso que eu digo que mulheres com barriguinha sabem fazer um homem feliz.

Valdisney Da silva
Psicólogo por natureza e especialista em comportamento humano.

Esse texto é inspirado livremente no texto Namore um Gordinho.
Gostei disso! Cervejinha e churrasco no final de semana sempre!




  • Compartilhe


  • Compre Já

  • Sacizentos





  • Divulgue



  • Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!